A idade da Terra em medidas que você consegue entender

Adriano Liziero

Adriano Liziero

Editor | Geógrafo

5 de fevereiro de 2018

Clique e retire as propagandas

A única maneira de manter o Geografia Visual no ar é com a pequena verba de publicidade. Doe um cafezinho e me ajude a manter o blog sem tanta propaganda. Você pode doar uma só vez ou contribuir mensalmente. Obrigado 🙂


café
café duplo
café triplo
donut
Thank you very much !

Há aproximadamente 4,56 bilhões de anos, uma estrela explodiu na Via Láctea e espalhou poeira pelo espaço. A gravidade juntou os grãos de poeira, formando aglomerados cada vez maiores. Assim, surgiu o planeta Terra.

A animação a seguir explica de forma didática como o nosso planeta foi formado e do que ele é feito. Ative as legendas em português para assistir. 

Dizer que a Terra é uma senhora de 4,56 bilhões de anos nos parece algo surreal, uma vez que nossa existência no mundo data de algumas centenas de milhares de anos.  Se a idade da Terra fosse reduzida ao tempo de apenas um ano, os primeiros membros da nossa espécie surgiriam somente às sete horas e doze minutos da noite do dia trinta e um de dezembro.

Para se ter uma noção aproximada do quanto a existência do ser humano é um mero episódio recente no tempo geológico da Terra, utilizamos algumas analogias. O vídeo a seguir transforma o tempo geológico em medidas que a gente consegue entender mais facilmente. Ative as legendas em português para assistir. 

Para que a evolução da Terra ao longo desse imenso intervalo de tempo possa ser estudada, o tempo geológico do planeta foi dividido em intervalos menores, chamados de unidades cronoestratigráficas: éons, eras, períodos, épocas e idades.

Clique e retire as propagandas

A única maneira de manter o Geografia Visual no ar é com a pequena verba de publicidade. Doe um cafezinho e me ajude a manter o blog sem tanta propaganda. Você pode doar uma só vez ou contribuir mensalmente. Obrigado 🙂


café
café duplo
café triplo
donut
Thank you very much !

A palavra éon significa um intervalo de tempo muito grande. Com exceção do Hadeano, todos os éons são divididos em eras. Uma era geológica é caracterizada pelo modo como os continentes e os oceanos se distribuíam e como os seres vivos nela se encontravam.

Para que a escala do tempo geológico da Terra fique ainda mais fácil de entender, acesse esse site e compare o dia em que estamos hoje com os principais eventos ocorridos durante a evolução do planeta. Embora o site esteja em inglês, as informações são fáceis de entender. Ao clicar em “Okay”, é possível comparar o dia de hoje com os diversos episódios do tempo geológico.

A história da vida na Terra

Clique e retire as propagandas

A única maneira de manter o Geografia Visual no ar é com a pequena verba de publicidade. Doe um cafezinho e me ajude a manter o blog sem tanta propaganda. Você pode doar uma só vez ou contribuir mensalmente. Obrigado 🙂


café
café duplo
café triplo
donut
Thank you very much !

Por muito tempo, a Terra foi apenas um pedaço de rocha circulando no espaço, sem qualquer forma de vida presente. O que fez com que a vida florescesse em nosso planeta? O vídeo a seguir explica como a vida evoluiu na Terra, desde os  procariontes, formas de vida unicelulares, até organismos mais complexos, como os humanos. Ative a legenda em português para assistir o vídeo.

Um bom resumo visual da origem da vida na Terra é esse infográfico, que deixa evidente que a espécie humana é muito recente na história do planeta. Clique na imagem para amplia-la. 

Você sabe com quem está falando?

Depois de estudar como nós, seres humanos, somos um mero detalhe na história desse complexo sistema Terra, vale uma reflexão sobre a nossa relação com o meio onde vivemos e também em como interagimos uns com os outros.

O vídeo abaixo apresenta um pequeno trecho de uma palestra proferida pelo filósofo Mario Sérgio Cortella.

Clique e retire as propagandas

A única maneira de manter o Geografia Visual no ar é com a pequena verba de publicidade. Doe um cafezinho e me ajude a manter o blog sem tanta propaganda. Você pode doar uma só vez ou contribuir mensalmente. Obrigado 🙂


café
café duplo
café triplo
donut
Thank you very much !

Você é um entre 7 bilhões de indivíduos, pertencente a uma única espécie, entre outras três milhões de espécies classificadas, que vive num planetinha, que gira em torno de uma estrelinha, que é uma entre 100 bilhões de estrelas que compõem uma galáxia, que é uma entre outras 200 bilhões de galáxias num dos universos possíveis e que vai desaparecer.

Apesar de recente na história geológica da Terra, o ser humano tem uma capacidade avassaladora de produzir o espaço geográfico e, com isso, de transformar o meio em que vive. Há, inclusive, quem defenda que vivemos em um novo período na história geológica do planeta, o Antropoceno.

Gostou desse conteúdo?

Esse post foi criado à base de café e ciência geográfica. Doe um café e ajude a manter o site no ar com conteúdos didáticos gratuitos.


café
café duplo
café triplo
donut
Thank you very much !
Adriano Liziero

Adriano Liziero

Editor | Geógrafo

Estudei Geografia influenciado pela experiência de viver em Angola, país que despertou em mim a vontade de compreender o mundo. Meu gosto pela escrita também me levou ao jornalismo.
Trabalho no mercado editorial de didáticos, com foco em tecnologia educacional. Criei o Geografia Visual para explicar o mundo utilizando o poder didático das imagens.

Você também pode gostar

Vídeos

A Bacia Amazônica e o transporte fluvial

por Curadoria de conteúdos

Material com vídeo e resumo exclusivo, com links selecionados para você se aprofundar nos temas abordados.

Infográficos

Mapas animados facilitam a comparação entre projeções cartográficas

por Adriano Liziero

Visualize os resultados das diferentes técnicas de representação do mundo em mapas.

Infográficos Vídeos

Animação mostra os terremotos dos últimos 15 anos

por Adriano Liziero

Nesse período, ocorreram 20 terremotos de grande magnitude.