Usos e abusos da água: entenda a situação do Brasil

Curadoria de conteúdos

Curadoria de conteúdos

Por Adriano Liziero e Brenda Mendonça

6 de julho de 2018

Nesse vídeo, produzido pelo canal Nerdologia, você vai entender a atual situação hídrica do Brasil, além de conhecer as mais variadas formas de poluição da água, o recurso mais precioso para a vida.

Após assistir, leia o resumo que produzimos com base no vídeo, com links para os principais conceitos que vão te ajudar a compreender os temas da Geografia abordados no material.

De onde vem a água que usamos?

No Brasil, a água captada está nos rios, lagos ou aquíferos, mas essa água é, em sua maioria, proveniente das chuvas originadas no norte do país. Em outros países, a captação de água ocorre graças ao degelo ou dessanilização da água do mar, como acontece em Israel.

Caminho percorrido pelos principais rios do Brasil. Fonte: Projeto Água, sua Linda.

Sempre foi fácil encontrar água potável?

A resposta é simples: não. Antigamente, diversos países previsavam apelar para outras alternativas, como ferver a água suja e tomar como chá – caso da China – ou até substituir o consumo de água por leite – caso de países africanos.

A partir do esquema abaixo, entenda o processo atual de tratamento de água:

Fonte: SANEP

A presença desse recurso é tão vital que nos leva à dois extremos ao longo da história: cidades começaram a ser estabelecidas ao redor de rios e lagos, mas diversos povos foram dizimados ao lutarem pelo direito ao recurso.

E no Brasil, temos água suficiente?

Temos, mas não sabemos cuidar e gerir este recurso natural. O Brasil detém cerca de um décimo de toda a água potável disponível no mundo, sendo um dos países com mais disponibilidade de água doce.

Isso deve-se à existência de reservatórios subterrâneos e, também, dos chamados rios voadores, que são grandes “corredores de umidade” que levam chuva da região amazônica para outras regiões do país.

Esquema de formação do “corredor” de umidade no Brasil. As florestas são as principais responsáveis pela disponibilização de umidade para o ar, fenômeno que se vê cada vez mais comprometido pelo desmatamento na Amazônia. Fonte: Canal Rural

Qual o impacto que estamos causando nas nossas águas?

É tanta poluição que, mesmo com tanta água disponível, a água potável tem se tornado um recurso escasso. A razão para isto vem de inúmeros poluentes que acabam sendo despejados nos rios, lagos e represas, como por exemplo:

  • Agrotóxicos

  • Fertilizantes

  • Resíduos agrícolas

  • Fármacos e drogas lícias e ilícitas de esgoto doméstico

Todas essas substâncias são venenos para os ecossistemas e contribuem para a proliferação de outros microrganismos responsáveis por liberar substâncias tóxicas e captarem o oxigênio disponível na água.

Por último, vem a precariedade do saneamento básico brasileiro. Menos da metade da população do Brasil tem acesso à coleta de esgoto e, pior ainda, grande parte deste não é tratado e é simplesmente jogado nos nossos rios.

Curadoria de conteúdos

Curadoria de conteúdos

Por Adriano Liziero e Brenda Mendonça

Garimpamos a internet em busca de conteúdos geográficos, selecionamos os melhores recursos educacionais e os indicamos aqui no Geografia Visual.

Você também pode gostar

Vídeos

A realidade que a Coreia do Norte quer esconder de você

por Adriano Liziero

Documentário expõe a farsa da propaganda norte-coreana que enaltece o seu regime opressor.

Vídeos

Vale tudo pela energia barata

por Adriano Liziero

Gás de xisto: uma revolução energética que pode custar caro

Vídeos

3 motivos para temer a energia nuclear; assista animação

por Adriano Liziero

Animação explica três razões pelas quais a energia nuclear pode ser considerada uma má opção.