Geografia Visual levará cultura hacker para a maior feira de educação da América Latina

Adriano Liziero

Adriano Liziero

Editor | Geógrafo

4 de Maio de 2015

Entre os dias 20 e 23 de maio de 2015 acontece em São Paulo, no Expo Exhibition & Convention Center, a Bett Brasil Educar 2015, o maior evento de educação da América Latina.

Realizada pela i2i Eventos e organizada pela Futuro Eventos, esta edição terá como tema “A escola dos nossos sonhos: horizontes possíveis, desafios imediatos”.

Para 2015, a grande novidade será a realização das Palestras de Tecnologia Educacional da Bett Brasil, que abordarão desde o papel das mídias na sala de aula, até estratégias pedagógicas para a integração da tecnologia no currículo educacional brasileiro.

Curadoria de conhecimento e cultura hacker na educação com blogs e redes sociais será a palestra que vou ministrar no congresso, no dia 22/05, às 15h.

No mesmo painel, Vanderlei Martianinos, Futurista da Educação da Fundação do IPANE & École 42 – Paris (França), apresentará a palestra Informação Livre: Avaliando o Impacto dos Cursos Online Abertos e Massivos (MOOC).

Será uma grande oportunidade para apresentar a proposta do Geografia Visual e de disseminar a educação aberta e livre, utilizando os recursos que alunos e professores têm disponíveis na web.

A visitação à feira é gratuita, já os workshops, fóruns e seminários são pagos. A tabela com os valores de investimento e também a programação completa estão disponíveis no site www.bettbrasileducar.com.br.

Ao todo estão programadas 165 atividades, que acontecerão simultaneamente em 11 auditórios, e que contarão com a participação de educadores brasileiros e do exterior.

Entre os temas abordados no evento estão: Alfabetização, Comunicação e Letramento; Avaliação na Educação; Currículo na Educação; Educação da Infância; Educação Integral; Educação e Tecnologia; Educação Profissional e Tecnológica; Formação Profissional e Metodologia de Ensino; Gestão e Políticas Educacionais.

Adriano Liziero

Adriano Liziero

Editor | Geógrafo

Estudei Geografia influenciado pela experiência de viver em Angola, país que despertou em mim a vontade de compreender o mundo. Meu gosto pela escrita também me levou ao jornalismo.
Trabalho no mercado editorial de didáticos, com foco em tecnologia educacional. Criei o Geografia Visual para explicar o mundo utilizando o poder didático das imagens.

Você também pode gostar

Notícias

Conheça o Flash, software utilizado para criar objetos de aprendizagem interativos

por Curadoria de conteúdos

Conheça uma das tecnologias mais utilizadas para criar objetos de aprendizagem interativos, como games e infográficos.

Notícias

Geografia Visual é reconhecido pelo BID como inovação educativa na América Latina

por Adriano Liziero

Publicação reúne as 50 inovações educativas mais importantes da região.

Notícias

Geografia Visual lança nova marca

por Curadoria de conteúdos

Logo foi criado pelo publicitário Alan Alves.